Pintura em tela
17/06/2016
Alunos do curso de Administração da FA7 realizaram ações sociais voluntárias
20/06/2016

História da Música Popular Brasileira no século XX: os Festivais de Música Nacionais

História da Música Popular Brasileira no século XX: os Festivais de Música Nacionais

EMENTA

O curso tem objetivo à história da música e seus movimentos de vanguarda no Brasil. A relação história e música e a busca de uma identidade nacional e popular no Brasil. As intervenções políticas, partidárias, movimentos culturais e sociais das juventudes e o surgimento de movimentos musicais como a Bossa Nova, a Jovem Guarda, os Festivais de Música Nacionais e os realizados na cidade de Fortaleza e o Tropicalismo.

OBJETIVOS

“Educar” os interessados e amantes da música a entender, a refletir e a desenvolver a sensibilidade musical levando-os a compreender que a música não é história, mas participa dela coma arte – com sua participação política e crítica na produção cultural artística na história do Brasil na segunda metade do século XX.

METODOLOGIA

Todo o conteúdo programático será trabalhado por via de palestras expositivas seguidas de um debate aberto visando um processo crítico de construção do conhecimento exposto. Será feito o uso recursos multimídia como ferramentas pedagógicas que auxiliarão na exposição de cada tópico proposto.

CONTEÚDO
32h/a

1. O governo Vargas e Controle do Samba e do Carnaval (2 h/a)

2. A era Vargas: “O canto alegre de três raças tristes? Do samba educado ao samba educativo”. (2 h/a)

3. Cultura Brasileira & Identidade Nacional: Os intelectuais e a música brasileira. e o Popular e Bossa Nova (2 h/a)

4. O Nacional e Popular e a Bossa Nova (2 h/a)

5. A Bossa Nova como movimento cultural e político (2 h/a)

6. Artistas, teatro, intelectuais e bossanovistas engajados (2 h/a)

7. Estudantes, CPC e música de protesto (2 h/a)

8. A interferência do Regime civil-militar e a música brasileira (2 h/a)

9. Os Festivais de Música da TV Record (2 h/a)

10. Os Festivais de Música da TV Excelsior (2 h/a)

11. O movimento musical da Jovem Guarda (2 h/a)

12. O III Festival da Música Popular Brasileira de 1967: “a invenção da MPB”. (2 h/a)

13. O Tropicalismo e mudança na sonoridade da música brasileira: a prisão de Gil e Caetano (2 h/a)

14. O III Festival Internacional da Canção Popular de 1968: “Pra não dizer que não falei de flores”. (2 h/a)

15. O Festival Phono 73 – o canto de um povo: “os militares não gostavam de canções”. (2 h/a)

16. O I o II Festival de Música Popular Cearense: “a Concha Acústica e a Faculdade de Direito como espaço de cultura”. (2 h/a)

17. O IV Festival da Música Popular do Ceará: “o garoto Raimundo Fagner decide ser artista” (2 h/a)

18. O I Festival de Música Popular Aqui de 1968: a produção do primeiro disco da música universitária ou “MPB” cearense. (2 h/a)

TURMAS 2017.2

INÍCIO EM

TÉRMINO EM

HORÁRIO

INVESTIMENTO

MATRÍCULA


28/08/2017
04/09/2017
3ª feira | 16h às 18h
5 x R$155,00
R$ 90,00

TURMAS 2017.2



de 28/08/2017

a 04/09/2017


3ª feira | 16h às 18h


5 x R$155,00


MATRÍCULA: R$ 90,00

INSCRIÇÃO

pre-inscriacao-online ICONE1

INSCRIÇÃO

Preencha a ficha de inscrição online
comparecer-pessoalmente ICONE LOCALIZACAO2

COMPARECER À UNI7

Compareça à UNI7 no primeiro dia do curso.
Caso o curso possua mais parcelas, você receberá os demais boletos neste dia.

Wagner de Castro

Professor do curso

 

Doutor em Educação Brasileira pelo Programa de Pós-Graduação em Educação pela Universidade Federal do Ceará, mestre em História Social pela Universidade Federal do Ceará e especialista em Perspectivas e Abordagens pela Universidade Estadual do Ceará. Membro do NHIME (Núcleo de História e Memória dos Historiadores da Educação) da Faculdade de Educação (UFC). Pesquisador atuante e credenciado junto ao CNPq do grupo “História & Culturas”; da Universidade Estadual do Ceará. Pesquisador da música cearense, cantor e compositor com dois cds editados, “Ambiguidades” e “Pão”. Professor da Faculdade 7 de Setembro (FA7) e da Faculdade Mauricio de Nassau e ex-professor substituto da Universidade Estadual do Ceará. Professor do Ensino Médio do colégio 7 de Setembro. Autor dos Livros didáticos: “História. Antiga e Medieval”, “Ciências Humanas”; em fascículos e do livro: “No Tom da Canção Cearense: do rádio e tv, dos lares e bares na era dos festivais (1963-1979)”.

INFORMAÇÕES

  • 9h - 11h20
    13h - 21h40
  • 9h30 - 13h20